Candidatura à presidência da Esomar 2019-2020

Queridos colegas,

É um prazer candidatar-me novamente ao conselho   da ESOMAR depois dos meus dois primeiros mandatos.

Durante esse período eu tive uma excelente experiência trabalhando com colegas excepcionais do conselho e da equipe da Esomar. Essa grande equipe foi capaz de delinear uma nova estratégia que impactou em muitos níveis sendo a principal delas a redefinição do Código. Este novo Código que sem dúvidas adapta a ESOMAR ao tempo presente.

Combinando essa experiência “a solo” com o conselho da Esomar e a interação da sua equipe, considero-me bem informado da situação atual e preparado para os desafios da associação. Toda essa informação me ajuda a delinear a proposta descrita no meu discurso (ver abaixo).

Espero renovar a vossa confiança nestas eleições e agradeço desde já o interesse pela minha candidatura e conto com o voto de todos vocês. Obrigado a todos,

Joaquim

DISCURSO

Devemos concordar que não vivemos numa era de mudanças, mas sim numa mudança de era; uma nova era movida pela digitalização. Ainda numa fase inicial, a digitalização já transformou a nossa sociedade e, portanto, a nossa indústria.

A necessidade de entender a opinião das pessoas, desejos e comportamentos em diferentes funções é maior que nunca. Ao mesmo tempo, isso está tornando-se cada vez mais e mais complexo. A compreensão do consumidor/cidadão requer cada vez mais uma abordagem holística e um bom comando dos novos conjuntos de dados. Da mesma forma, os meios de coleta de dados evoluem a um ritmo rápido impulsionado pela evolução tecnológica.

Esse contexto impõe muitos desafios à nossa indústria e consequentemente à ESOMAR sendo uma participante chave. O ponto principal, ao meu ver, é o de mostrar o valor dos estudos de mercado e mais concretamente, necessitamos de:

  • Ajudar os nossos atuais membros a adaptar-se com sucesso a esse novo contexto entregando informações mais apropriadas e programas de educação, oferecendo ferramentas mais úteis e criando excelentes oportunidades de networking.
  • Crescer, ganhar mais membros do MR landscape, tornar-se relevante a todos envolvidos com a estratégia de data-driven marketing.
  • Continuar sendo o advogado da indústria em frente a legisladores internacionais e nacionais ajudando as outras associações globais em todas as iniciativas auto regulatórias de toda a indústria.
  • Dar suporte aos jovens; promover atratividade do nosso setor.
  • Somos globais e diversos. É importante saber os diferentes estágios da indústria de acordo com a evolução de cada país. Eu acredito que um dos principais deveres da ESOMAR é o de facilitar a difusão de melhores práticas e ajudar os países menos desenvolvidos a fazer um upgrade.
  • Somos locais. A atividade real toma lugar a nível local. A presença relevante em cada e todos os países é a chave assim como é função dos nossos representantes nacionais.

Estas são, em resumo, as minhas principais crenças sobre a função da ESOMAR e da direção que devemos continuar caminhando. Na verdade, essas são as diretrizes essenciais que o conselho atual tem seguido nos últimos dois anos.  Estou totalmente envolvido com a ESOMAR e gostaria muito de continuar trabalhando no próximo mandato. Se tiver essa oportunidade farei uso da minha experiência internacional bem como do conhecimento da associação e dos seus membros.

Gostaria de expressar os meus mais sinceros agradecimentos a todos os que têm apoiado a minha candidatura:

Dieter Korczak . Former ESOMAR President.  Head of GP Forschungsgruppe

Judith Passingham.  CEO, Ipsos Global Operations & Ipsos Interactive Services (IIS) at Ipsos

Simon Chadwick. Managing Partner at Cambiar. Former Insights Association President

Cristina Quental.  Vice President, Marketing Insights & Strategic Planning Sands China

Dan Foreman . Former ESOMAR President. Chairman, Non Executive Director and Advisor

Porque me apresento ao Conselho de Esomar?

cropped-Joaquim_Bretcha_picture.jpg

Obrigado por visitar este blog e mostrar o seu interesse na minha candidatura.

É um prazer para mim partilhar consigo os motivos pelos que decidi apresentar-me ao Conselho de Esomar.

Depois de mais de quatro anos vivendo intensamente o mundo Esomar, acredito que agora é um bom momento de dar um passo à frente e passar a contribuir de uma forma mais direta.

Sempre fui um convicto defensor da organização empresarial. Parece-me de vital importância criar lugares de diálogo e encontro entre profissionais que sirvam para partilhar conhecimentos, exposições de desafios e ameaças que enfrenta o setor , bem como foros de autoregulação da indústria.

Esta convicção vem desde os inícios da minha carreira profissional em AECOC, a associação de Fabricantes, Distribuidores e prestatarios de Serviços do Grande Consumo em Espanha. Durante mais de quatro anos contribuí para a organização através de múltiplos congressos e seminários bem como através da gestão dos programas de formação e desenvolvimento dos seus membros. Este passo marcou-me para sempre e quero participar disso desde

ESOMAR.

Posso resumir as minhas motivações para assim apresentar a minha candidatura nos seguintes pontos:

  1. O setor vive momentos de uma convulsão bastante interessante. A tecnologia está permitindo dar um salto espetacular na recolha de dados que nos abrem novas dimensões no conhecimento do consumidor, a base da nossa profissão. Creio que é importante que empresas tecnológicas de recolha de dados possam contribuir aportando a nossa visão ao governo de Esomar
  2. Tenho a visão da corrente de valor do setor. Posso entender as diferentes problemáticas e interesses de cada um dos seus elos e contribuir desde o Conselho, promovendo as medidas que contribuam a uma melhor eficiência para o conjunto da Indústria.
  3. Gostaría de contribuir na transmissão de conhecimentos e melhores práticas entre países e continentes. Recolher o melhor de cada um e poder projetá-los aos demais.
  4. Tenho a perspectiva de uns países e uns mercados (Espanha, Portugal e América Latina), que estão no segundo quartil da evolução do setor. Entendo as problemáticas dos países num estado inferior de evolução das grandes potências bem como o contacto directo através do meu trabalho europeu e asiático. Pretendo ser a voz na direção de Esomar daqueles países que ainda estão em fases inferiores de desenvolvimento e volume de negócio.
  5. Sou um grande crente da demonstração do valor dos nossos serviços. Acredito que é de grande importância apostar por uma clara demonstração e defesa do valor que o Market Research contribui ao conjunto do mercado e à sociedade.
  6. E por último, a nível pessoal. Participar no governo da associação global do meu setor seria para mim uma grande oportunidade de dar um excitante passo adiante na minha trajetória profissional, ampliando o foco de visão e de interlocução. Seria uma experiência muito enriquecedora que espero poder reverter em benefício do setor.

Adoraria poder ter a ocasião de falar consigo para debater a situação do nosso setor e como creemos que devemos dirigir os nossos passos para melhorá-lo. Se lhe apetece, estarei contente de poder estabelecer este diálogo via blog.

Estas são as minhas principais motivações e espírito com o que participo nestas eleições. Espero que sejam de seu interesse e sirvam para poder ganhar a sua confiança e o seu voto.

Muito obrigado