Candidatura ao Conselho ESOMAR 2017-2018

colombia-opening

ESOMAR LATAM 2016, Bogotá (Colombia)

Queridos colegas,

É um prazer candidatar-me novamente ao conselho   da ESOMAR depois dos meus dois primeiros mandatos. Enquanto preparava a minha candidatura, o meu discurso, devo admitir que senti algum prazer. O prazer de olhar para esses dois últimos anos e observar a minha evolução. Sinto que avancei alguns passos no entendimento, conhecimento e envolvimento com a Esomar.

Durante esse período eu tive uma excelente experiência a trabalhar com colegas excepcionais do conselho e da equipa da Esomar. Essa grande equipa foi capaz de delinear uma nova estratégia que impactou em muitos níveis sendo a principal delas a redefinição do Código. Este novo Código que sem dúvidas adapta a ESOMAR ao tempo presente.

No conselho, foquei a minha atenção e esforços em dois aspectos principais: Comunicação e Representantes. Ambos me deram uma perspectiva diferente da Esomar, das suas necessidades, desafios e diversidade de membros. Além disso, tenho participado na maioria das atividades da Esomar: Congressos (Dublin, Nova Orleans), América Latina (São Paulo, Bogotá), APAC (Singapura, Tóquio) Qualitative (Paris) e Best of Esomar em Paris e Tóquio. Considerando as Conferências na América Latina, presidi nas de do Brasil e da Colômbia em nome de Laurent Flores, o nosso atual presidente. Mais que isso, tive uma participação ativa nas reuniões dos representantes nos eventos do congresso regional, encontros que me deram uma visão mais próxima da realidade dos nossos diferentes membros nas diferentes regiões.

Combinando essa experiência “a solo” com o conselho  da Esomar e a interação da sua equipa, considero-me bem informado da situação atual e preparado para os desafios da associação. Toda essa informação ajuda-me a delinear a proposta posta descrita no meu discurso (ver abaixo).

Espero renovar a vossa confiança nestas eleições e agradeço desde já o interesse pela minha candidatura e conto com o voto de todos vocês. Obrigado a todos,

Joaquim

DISCURSO

Devemos concordar que não vivemos numa era de mudanças, mas sim numa mudança de era; uma nova era movida pela digitalização. Ainda numa fase inicial, a digitalização já transformou a nossa sociedade e, portanto, a nossa indústria.

A necessidade de entender a opinião das pessoas, desejos e comportamentos em diferentes funções é maior que nunca. Ao mesmo tempo, isso está tornando-se cada vez mais e mais complexo. A compreensão do consumidor/cidadão requer cada vez mais uma abordagem holística e um bom comando dos novos conjuntos de dados. Da mesma forma, os meios de recolha de dados evoluem a um ritmo rápido impulsionado pela evolução tecnológica.

Esse contexto impõe muitos desafios a à nossa indústria e consequentemente a à ESOMAR sendo uma participante chave. O ponto principal, ao meu ver, é o de mostrar o valor dos estudos de mercado e mais concretamente, necessitamos de:

  • Ajudar os nossos atuais membros a adaptar-se com sucesso a esse novo contexto entregando informações mais apropriadas e programas de educação, oferecendo ferramentas mais úteis e criando excelentes oportunidades de networking.
  • Crescer, ganhar mais membros do quadro MR landscape, tornar-se relevante a todos envolvidos com a estratégia de data-driven marketing.
  • Continuar sendo o advogado da indústria em frente a legisladores internacionais e nacionais ajudando as outras associações globais em todas as iniciativas auto regulatórias de toda a indústria.
  • Dar suporte aos jovens; promover atratividade do nosso setor.
  • Somos globais e diversos. É importante saber os diferentes estágios da indústria de acordo com a evolução de cada país. Eu acredito que um dos principais deveres da ESOMAR é o de facilitar a difusão de melhores práticas e ajudar os países menos desenvolvidos a fazer um upgrade.
  • Somos locais. A atividade real toma lugar a nível local. A presença relevante em cada e todos os países é a chave assim como é função dos nossos representantes nacionais.

Estas são, em resumo, as minhas principais crenças sobre a função da ESOMAR e da direção que devemos continuar caminhando. Na verdade, essas são as diretrizes essenciais que o conselho atual tem seguido nos últimos dois anos.  Estou totalmente envolvido com a ESOMAR e gostaria muito de continuar a trabalhar com eles no próximo mandato. Se tiver essa oportunidade farei uso da minha experiência internacional bem como do conhecimento da associação e dos seus membros.

Gostaria de expressar os meus mais sinceros agradecimentos a todos os que têm apoiado a minha candidatura::

- Julia Helena Carrillo. Country Manager Ipsos Ecuador.

- Jérôme Sopocko. Founder Askia. United Kingdom.

- Jean Michel Lelievre. CEO and Founder Interlink. France.

- Macarena Estévez. CEO and Founder Conento. Spain.

- Susana Marquis. Directora Susana Marquis. La investigación que inspira.

- Joachim Ritter. Head of Market Analytics Roche. Germany.

- Shinichi Hosokawa. CEO GMO Research. Japan.

- Martin Oxley. Managing Director Buzzback Europe. United Kingdom.